Ornamentais Plantas

Corações emaranhados: aprenda como cuidar dessa linda plantinha

Ceropegia Woodii , mais conhecida como ‘corações emaranhados’, é uma planta muito fácil de cuidar e que está super na moda. Confira abaixo tudo que você precisa saber sobre essa adorável plantinha!

Corações emaranhados – descrição

A planta é originária do sudeste africano, incluindo países como África do Sul, Moçambique e Eswatini e faz parte do gênero Ceropegia, variedade Woodii. Pertencem à família Apocynaceae e às vezes também é chamada de coração de mãe, coração de estudante ou corrente de corações. 

Esta trepadeira semelhante a uma suculenta, de caule longo e arroxeado pode alcançar de 2 a 4 metros de comprimento. Apresenta folhas pequenas e opostas, em formato de coração, de coloração verde-musgo, com um marmorizado prateado na parte superior da folha e arroxeadas na inferior.

Essas folhas permanecem pequenas, mas as veias em cada folha ajudam a dar uma aparência mais texturizada e dimensional. As hastes são muito finas e delicadas, brotando folhas a cada centímetro ou mais. Como os caules são tão finos, as folhas podem facilmente “engatar” umas nas outras, emaranhando a planta, dando-lhe um efeito atraente. 

Como planta de casa, normalmente pode crescer alguns metros de comprimento. Muitos pensam que é uma suculenta, mas não é. É fácil pensar que é, no entanto – as folhas parecem bastante suculentas.

A floração é distribuída durante os meses quentes e as flores são em forma de um pequeno vaso, com coloração rosada, e pétalas roxo-púrpura. Os frutos são pequenas vagens, com sementes achatadas, que caem facilmente quando maduras.

Como plantar corações emaranhados

A planta corações emaranhados se desenvolve bem em vasos pendentes com substrato rico em matéria orgânica levemente arenoso. Use uma mistura de composto orgânico com areia na proporção de 3:1. Proteja o fundo do vaso com manta acrílica e pedrinhas, em seguida complete com a parte do substrato e acomode a planta.

Termine de preencher com mais da mistura, deixando um espaço para as regas. Por fim fixe a muda e regue bem, depois espaçar as regas.

Luminosidade

É uma planta de meia sombra e irá queimar suas folhas se ficar exposta ao sol forte, principalmente se for exposto as horas mais quentes do dia. Dessa forma, um ótimo lugar para deixar essa a planta, serão lugares com muita luminosidade. Aposte em lugares muito próximos a janelas se forem ficar dentro de casa. Quanto ao sol, se estiverem em um espaço que pegue apenas o sol da manhã ou do fim da tarde, tudo bem! Já que nesse horário os raios solares são bem mais fracos não ocasionando nenhum risco a planta.

Rega

Essa planta tolera passar por um período seco mas não suporta encharcamentos. Por isso, o uso de um substrato adequado facilita a vida do cultivador, evitando que a planta passe por sufocos. O substrato ideal é o típico para suculentas, leve e bem drenável. Assim, evitamos que o solo fique com aquele aspecto compactado, o que pode ocasionar o apodrecimento das suas raízes e atrair pragas.

A periocidade das regas deve acontecer sempre que observar o substrato quase seco. E regue de uma forma moderada, principalmente se cultiva a planta dentro de casa onde o substrato tende a secar de forma mais lenta comparado aos vasos que são cultivados ao ar livre. No inverno, quando as temperaturas estiverem mais baixas, diminua a sua rega.

Adubação

Todos os invernos ou estação das chuvas, usar uma colher de chá de adubo granulado formulação 10-10-10, dissolver em um copo de água e regar o substrato que deverá já estar levemente úmido.

Propagação de corações emaranhados

A sua multiplicação pode ser feita por estaquia. E é uma ótima alternativa se você quiser deixar o seu vaso mais cheio na base.

Com uma ferramenta limpa e esterelizada, faça o corte na haste e enterre a ponta no substrato, espere uma semana antes de regar para estimular o crescimento das raízes.

Como uma segunda opção, essa haste também pode ser colocada em um recipiente com água, apenas onde foi feito o corte sem mergulhar a haste inteira. Passe para o substrato quando as raízes já estiverem bem formadas.
Outra forma de propagação de corações emaranhados pode ser feita enterrando os tubérculos que vão aparecendo ao longo de suas hastes.

Faça o corte de uma forma que o tubérculo venha com a haste e algumas folhas. Depois enterre esse tubérculo no substrato e deixe a haste para fora. Espere uma semana antes de regar e após a primeira rega os cuidados são padrão.

Pragas e problemas

A planta corações emaranhados é bastante resistente a pragas. No entanto, o excesso de água pode levar a mosquitos do fungo, e a planta pode ser hospedeira de toda a gama de pragas domésticas normais. Se as folhas da sua planta estiverem de um verde fraco ou amareladas, você pode estar regando demais, não dando luz suficiente à planta, ou ambos. Folhas secas e crocantes? Você deverá regar a planta, pois com certeza ela precisa de um pouco de água!

Ceropegia Woodii significado

O nome Ceropegia, vem de ‘keros’ (cera) e ‘pege’ (primavera): Carl Linnaeus, que deu o nome à planta, pensou que se assemelhava a ‘uma fonte de cera’. A planta não tem significado simbólico, embora as folhas em forma de coração sejam muitas vezes vistas como um sinal de amor. 

Já o nome botânico dessa planta, foi a nomenclatura oficial dada após pesquisadores encontrarem estas plantas em forma de coraçãozinho na montanha Groenberg, na África do Sul. O pesquisador que fez isso foi John Medley Wood, por isso o nome “Woodii” dado à espécie, juntamente ao seu gênero Ceropegia.

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.