Flores

Gerânio: veja como cuidar dessa planta para ter um jardim maravilhoso!

Se você quiser, pode ter um jardim repleto de gerânios sem que uma flor seja igual a outra. As variedades são muitas, todas maravilhosas para embelezar a sua casa e deixar a sua vida mais colorida.

A altura máxima de um gerânio varia de 60 a 90 cm. Ele apresenta uma grande variedade de cores. As básicas são branco, vermelho e rosa. As outras cores foram criadas através da hibridização.

Veja quais são os cuidados para o cultivo do gerânio.

O gerânio certo para cada local de cultivo

Apesar de existirem muitas variedades de gerânio, existem duas que estão entre as mais cultivadas no mundo. Uma delas é o Pelargonium hortorum que é uma espécie mais arbustiva e ereta, legal para vasos maiores ou para maciços no jardim. As folhas dessa espécie são mais aveludadas e perfumadas.

A outra é o Pelargonium peltatum que é uma espécie pendente para usar em floreiras e jardineiras e formar cascatas. A folhagem dessa espécie é mais lisa e brilhante, então você pode observar essa característica se tiver uma muda e não souber qual é a espécie.

Dicas de plantio

O gerânio é uma planta semi-suculenta, por isso, precisa que o solo de plantio tenha ótima drenagem. Se for plantas no jardim, faça uma mistura de terra rica em matéria orgânica com uma parte de areia de construção. Se for plantar em vaso, além da areia, faça uma camada de drenagem no fundo com pedrinhas e uma manta bidim.

Adubação

Se você plantar o seu gerânio em uma terra rica em matéria orgânica, como é o recomendado, não precisa adicionar adubo. Deixe para adubar só depois que terminar a primeira florada, usando um adubo rico em fósforo para ajudar a planta a se fortalecer e crescer forte outra vez, com flores cada vez mais bonitas.

Iluminação

O gerânio gosta de sol pleno, por isso é muito usado para decorar as janelas e os jardins. Se você não tiver sol o dia todo, pelo menos por 4 horas a planta precisa receber sol diretamente sobre ela.

Regas

Por ser uma semi-suculenta, o gerânio não precisa de regas frequentes, já que armazena umidade nos caules. Então, faça a rega só quando notar que a terra está seca. Se a planta fica no jardim e chove de vez em quando, nem precisa regar.

Podas

Você pode fazer uma poda de limpeza na planta depois que terminar uma florada e as flores estiverem secas. Além disso, pode ir removendo com cuidado as folhas amarelas e secas, pois isso ajuda a planta a ficar mais forte, sem fungos e faz a florada seguinte ser ainda melhor.

Reprodução

Quando o seu gerânio estiver com um ramo adulto e saudável, pode cortá-lo e replantar em estaquia, colocando em água para enraizar ou direto na terra mesmo. Na hora da poda, corte o ramo com 3 gemas, pelo menos, para conseguir enraizar. Uma das gemas vai ficar submersa ou enterrada, enquanto as outras duas vão ficar para fora, de onde vai brotar o novo ramo.

Uso medicinal do gerânio

Como se não bastasse ser uma planta com flores lindas para decorar sua casa, o gerânio também oferece propriedades medicinais. Para esse fim você deve procurar pelas espécies Pelargonio siloides e Pelargonio reniforme e é mais seguro comprar extrato de gerânio nas farmácias de manipulação e lojas de produtos naturais.

O gerânio ajuda no tratamento de problemas respiratórios, gástricos, menstruais, contra diarreias e dores de cabeça. O extrato é muito bom para bronquite, sinusite, asma, gripe, faringite, tuberculose e pneumonia.

No estômago, o extrato ajuda a eliminar a bactéria Helycobacter pylori que se fixa na parede do estômago, causando gastrites e úlceras.

Cuidado: o uso seguro dessa planta deve ser feito com acompanhamento médico para prevenir ou saber como tratar qualquer possível efeito colateral.

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.