Frutíferas Plantas

Laranja: variedades e benefícios dessa fruta cítrica

A laranja tem lugar garantido na dieta do brasileiro. A fruta está entre as mais consumidas e faz parte do cotidiano da população, em sucos, saladas e até mesmo in natura.

A laranja (citrus x sinensis) é uma deliciosa fruta cítrica da família Rutaceae. É uma árvore de porte médio que pode atingir até 8 metros de altura, de copa densa, arredondada e perene. Originária da Asiá, a fruta foi levada pelos árabes para a península Ibérica e de lá se propagou pelo mundo.

Seu tronco e ramos apresentam casca castanho-acinzentada e são um tanto tortuosos. As folhas são verdes, coriáceas, brilhantes e muito aromáticas.

A flores da laranjeira simbolizam a pureza, são brancas, pequenas e perfumadíssimas, atraindo abelhas melíferas em profusão. O mel de flores de laranjeira é um dos mais valorizados no mercado. Delas também se extraem essências amplamente utilizadas na culinária, principalmente a árabe, e na indústria de perfumes.

Os frutos são em geral esféricos, de casca alaranjada, com pericarpo branco, rico em pectina. A polpa é aquosa, de coloração entre o amarelo claro e o vermelho. Dependendo da variedade, os frutos podem conter sementes ou não, que são arredondas e achatadas, de coloração verde-esbranquiçada a pardacenta. A frutificação pode-se estender durante todo o ano, mas é mais abundante no outono.

As laranjas são comumente consumidas in natura, em sucos ou em preparações culinárias, como em bolos, caldas, geléias, chás, compotas, licores, sorvetes e uma infinidade de outras sobremesas. Sua polpa é surpreendente também em pratos salgados, como em molhos para aves, peixes e carne vermelha. Os óleos essenciais de laranja, extraídos principalmente da casca tem ampla utilização na indústria de perfumes, cosméticos, produtos de limpeza e aromaterapia, com propriedades calmantes e anti-depressivas.

Há cerca de 100 variedades de laranja produzidas em escala comercial. No Brasil, as diferentes variedades de laranja são classificadas em três grupos principais. As laranjas de umbigo, próprias para a mesa, caracterizadas pela presença de um fruto rudimentar no ápice do fruto; as laranjas comuns, mais ácidas e próprias para sucos; e as laranjas de baixa acidez, de sabor mais suave, muito doce.

Variedades de laranjas

1. Laranja-pera: se destaca por ser a queridinha dos brasileiros no consumo cotidiano. Ela é ideal para sucos e para consumo in natura e é pequena, ligeiramente alongada e tem poucas sementes, por isso vai bem na salada de frutas ou como acompanhamento da tradicional feijoada.

2. Laranja-bahia: Essa é a famosa laranja com umbigo. A laranja-baía apresenta uma saliência na casca, que a torna facilmente identificável, mas ela é conhecida ainda por outro atributo: esse cultivar não tem sementes, o que a torna interessante no uso culinário.

3. Laranja-lima: é a opção menos ácida entre as variedades dessa fruta cítrica. Por seu sabor doce e suave, esse tipo está entre os preferidos das crianças e costuma ser usado na introdução alimentar de bebês. 

4. Laranja-da-terra: Semelhante a uma pequena poncã, a laranja-da-terra é conhecida por ser ácida e suculenta. Além do uso culinário, que passa por geleias, compotas e sucos, a fruta também pode ter uso medicinal. Entre os atributos terapêuticos, está seu caráter expectorante.

5. Laranja Hamlin: Tal como a Westin, esse tipo de laranja faz parte do grupo de frutos precoces. Por essa razão, mesmo que não seja tão suculenta, tem um ciclo mais rápido e é bastante procurada pela indústria de sucos concentrados para suprir o mercado na entressafra de outros cultivares.

6. Laranja-natal: A laranja-natal está entre os cultivares mais consumidos no País. A fruta oferece um suco doce, abundante e de um amarelo vivo. A depender de alguns fatores, a cor da polpa pode ser mais forte e se aproximar de tonalidades vermelhas, bem ao estilo natalino.

Os benefícios da laranja

Antes de saber como germinar semente de laranja, é importante conhecer todos os benefícios que essa fruta pode nos trazer. Assim, é possível aproveitar todas as deliciosas formas de preparo e entender o que ela pode oferecer para nosso corpo de forma saudável.

A fruta é rica em vitamina C, flavonoides, betacaroteno, fibras e outros nutrientes importantes, como o potássio. Por isso, tem características muito positivas para nossa saúde, com poderes antioxidantes, que trazem uma série de benefícios para nosso corpo. Entre eles, estão:

  • fortalecimento do sistema imunológico;
  • redução dos riscos de doenças cardiovasculares;
  • diminuição do colesterol;
  • controle da pressão alta;
  • prevenção de gripes e resfriados;
  • desaceleração do envelhecimento;
  • apoio à saúde dos olhos.

Como plantar laranja

Existem diversas formas de plantar uma laranjeira. Primeiro, é importante escolher o tipo de laranja que você deseja ter em casa, visto que cada uma tem gosto diferente.

É possível plantar a laranja pela semente, no entanto, ela pode levar de 10 a 15 anos para crescer e gerar frutos. Por isso, a forma mais recomendada é utilizar mudas. A estaquia é o método mais utilizado quando se trata do plantio da fruta. 

Plantio por estaquia

O processo de como plantar muda de laranja é simples. Para o plantio em vaso, é importante escolher um recipiente grande, de 60 a 100 litros, para a árvore se desenvolver completamente.

A primeira camada do solo deve ser de argila expandida. Em seguida, coloque partes iguais de substrato e um pouco de calcário em pó, misturando tudo (exceto a argila). O próximo passo é fazer o plantio da muda, retirando o plástico que a envolve e a colocando na cova do vaso, de forma que o substrato cubra a raiz.

Para o plantio no solo, é importante que o local tenha terra permeável. Cave um buraco profundo, com pelo menos 40 cm de diâmetro em volta da muda. Assim, a planta poderá se desenvolver de forma correta.

Plantio por semente

Se você optar pelo plantio por sementes, retire-as da fruta e limpe-as bem, deixando-as livres de quaisquer resquícios. Depois, separe as mais saudáveis, aquelas que serão preparadas para o plantio.

Para preparar a sementes, mergulhe-as por, no máximo, um dia em água. Em seguida, se você for plantar laranja em vaso, escolha um recipiente pequeno e com furos embaixo para a drenagem da água. Deposite argila expandida e substrato, faça um pequeno furo e coloque as sementes, cobrindo-as em seguida.

Se você escolher plantar as sementes diretamente no solo, separe um local em que elas poderão crescer completamente. Assim como no plantio por estaquia, o solo deve ser permeável.

Demais cuidados com a laranjeira

Para a planta crescer saudável e dar bons frutos, não basta apenas plantá-la corretamente. É preciso seguir os cuidados necessários durante toda a vida da árvore, oferecendo tudo o que ela precisa. 

No caso do plantio em vaso por semente, por exemplo, é preciso trocar o vaso da planta conforme ela for se desenvolvendo, até chegar em um recipiente suficientemente grande. Fique atento ao surgimento de ervas daninhas e ao aparecimento de pragas, que devem ser eliminadas.

Sobre a irrigação, a laranjeira gosta de um solo úmido, mas não encharcado. Por isso, regue-a conforme necessidade. A adubação também é importante para o desenvolvimento da árvore e deve ser feita a cada dois meses. Não se esqueça da poda para as partes mais saudáveis da planta se desenvolverem melhor.

Se for bem cuidada, a muda de laranjeira cresce e começa a dar frutas após cerca de três anos de cultivo. A partir daí, você poderá aproveitar as laranjas e todas as receitas possíveis com esse delicioso alimento!

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.