Suculentas

Orbea variegata: veja como cuidar da flor estrela

Orbea variegata é uma espécie de planta com flor pertencente à família Apocynaceae, conhecida como flor estrela

Seu nome deriva do latim “Orbis”, que significa “forma de disco”. Já “variegata” é um indicativo de que suas pétalas são manchadas com diferentes cores, como marrom e roxo.

Nativa da África do Sul, essa suculenta tem o ciclo de vida perene e é conhecida também como stapelia variegata.

Outros nomes populares para essa planta são: cacto estrela do mar, planta carniça ou flor de carniça. Isso porque suas flores possuem um odor forte de carne podre, que tem a função de atrair moscas para polinização.

Essa planta não possui folhas, mas possui caules carnudos e serrilhados, com cerca de 25 centímetros de comprimento, com coloração verde-acinzentado; tons de vermelho podem surgir quando exposta ao sol pleno.

Suas flores são grandes, com diâmetro de até 8 centímetros, em forma de estrela, brancas, esbranquiçadas ou amarelas, salpicadas de marrom.

É uma suculenta famosa, afinal, os padrões únicos das folhas e flores fazem com que ela se destaque em meio a outras plantas. Ela pode fazer os cantos sem graça da casa ganharem um toque sofisticado.

Também é usada como planta paisagística para jardins desérticos devido à sua aparência ornamental. É uma companheira perfeita para outras suculentas e pode ser cultivada perto delas para completar o visual. 

Cuidados com a Orbea variegata

Veja como cultivar essa suculenta em 4 passos simples:

1 . Solo ideal

Para plantar a Orbea variegata, você pode preparar uma mistura de terra arenosa para suculentas com terra vegetal rica em matéria orgânica.

É ideal usar uma terra com boa capacidade de drenagem.

A orbea cresce muito bem na mistura da terra mencionada acima e não precisa de muita atenção após seu estágio inicial de crescimento.

A fertilização regular também é importante para essa planta.

Embora não tenha problemas com pragas, ocasionalmente pode atrair cochonilhas. Além disso, é essencial cuidar bem da planta, caso contrário, outras doenças fúngicas podem ocorrer. É melhor remover a praga através da colheita manual e mantê-la sob controle para evitar mais infestações.

2 . Luz

A  Orbea variegata deve ser cultivada em um local de sombra parcial, pois não tolera sol pleno durante todo o dia.

A iluminação ideal para essa planta é a da luz do sol no início da manhã ou no final da tarde. Porém, o ideal é deixar sua Orbea receber um mínimo de seis horas de luz diárias.

O frio e, principalmente, as geadas não são saudáveis ​​para a planta. Por isso, deixe-a protegida durante o inverno.

A melhor época para plantar sementes de Orbea variegata é na primavera. Siga uma rotina semanal de rega para uma germinação equilibrada e veja os resultados em um mês!

3 . Como regar a Orbea variegata

Ao contrário da maioria das suculentas, a Orbea variegata deve ser cultivada em um solo levemente úmido com capacidade de retenção de água.

Durante os meses de verão, regue o solo ocasionalmente de acordo com a umidade da estação. Períodos de estiagem durante o inverno podem causar enrugamento da planta. Por isso, é importante manter um equilíbrio no teor de umidade do solo, especialmente no frio. Em outras épocas do ano, mostra sua natureza tolerante à seca armazenando água em seu caule.

4 . Como fertilizar e propagar a Orbea variegata

Fertilize a Orbea variegata a cada 4 semanas nos meses de outono com adubo rico em fosfato. Após a estação de floração, corte pedaços do caule para propagar.

Se você é iniciante na jardinagem, não precisa entrar em pânico, pois essa planta se adapta a quase qualquer tipo de propagação.

Você pode selecionar caules saudáveis ​​e cortar em vários pedaços. Usando esse método, você pode plantar as mudas em outro vaso com o mesmo tipo de solo. Com rega e cuidados adequados, as estacas se transformarão em uma planta totalmente crescida em um período de dois meses.

A Orbea variegata não é apenas bonita para se ter no jardim da sua casa, mas também é surpreendentemente fácil de cuidar. Além disso, leva pouco tempo para florescer. 

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.