Flores Ornamentais

Planta ovo: características e modo de cultivar

A planta ovo pertence à espécie Solanum ovigerum, nativa da Índia, e que pertence à família das Solanáceas, a mesma do jiló, da berinjela e da abóbora.

A planta é tão curiosa que, após o florescimento de uma florzinha roxa bem bonitinha, nascem esses frutos muito parecidos com ovos de galinha.

Tem um ciclo de vida longo, mas os “ovos” surgem apenas uma vez. E, apesar da aparência, os “ovos” da planta não são recomendados para o consumo.

Características

 A espécie Solanum ovigerum apresenta como características, hastes eretas, pubescentes e ramificada, cobertos por pequenas cerdas finas.

Suas folhas são classificadas como alternas, o que significa apenas uma folha por nó, anguladas ou lobadas, ovais (até as folhas), e onduladas nas bordas das folhas.

As flores são solitárias e pequenas, na cor lilás, e seus frutos são oblongos, esbranquiçados, semelhante a ovos de galinha.

A planta ovo pode ser cultivada em canteiro ou vasos, e multiplica-se por sementes. Seus frutos, após maduros, adquirem uma cor amarelada, laranja ou creme.

Cada planta produz de 5 a 15 frutos (ovos), e só uma vez durante o ciclo de vida da planta. Por isso, a cada floração você deve plantar suas sementes se quiser ver novos ovos vegetais em seu jardim.

Essa planta é de pequeno porte, entre 30 e 50 centímetros de altura, e é apena suma planta ornamental, não recomendada para consumo.

Como cultivar a planta ovo

Depois de dar frutos a planta não volta a frutificar. Retire as sementes e faça novas mudas. Um método com filtro de de café pode ser utilizado para sua germinação.

Germinação

Coloque as sementes de planta ovo em um copo com água fervida (já fria) por 10 minutos, com 2 gotas de soluções hidrocloradas, que você encontra em lojas especializadas na área.

Passados os 10 minutos, lave bem as sementes usando um coador, até que a solução de cloro seja totalmente retirada.

Pegue um filtro de café e borrife-o também com água fervida para que ele apenas fique úmido e não molhado.

Concentre as sementes dentro dele, todas do mesmo lado, e dobre o filtro ao meio duas vezes. Assim, suas sementes ficarão com uma camada de filtro de um lado e três camadas do outro.

Coloque o filtro dobrado e umedecido dentro de um saquinho plástico com zíper, sopre um pouco de ar dentro dele, feche o saquinho e guarde-o em pé.

Essa “estufa” acelera em alguns dias a germinação. Não se esqueça de abrir o saquinho pelo menos um dia sim e outro não para umedecer mais um pouco o filtro e acompanhar a germinação das sementes.

Plantio

Após as sementes terem germinado, elas devem ser manipuladas com cuidado para que as raízes emergentes não se quebrem. Você pode utilizar pinças ou simplesmente água para desgrudá-las do papel.

A mudinha deve ser reintroduzida em recipientes como bandejas de isopor ou copos de papel, onde seja possível adição de substrato, e não terra.

Para transplantá-la para um local definitivo mais tarde, faça com delicadeza para evitar danos em suas raízes, e também sua produtividade.

Você pode optar por fazer essa mudança nas horas mais frescas do dia, a tardezinha e com o solo úmido ou dias nublados. No quintal, deixe um espaço de cerca de 50 ou 80cm entre cada planta.

Cuidados

Luminosidade: A planta ovo gosta de muito sol, mas também de sombra, então escolha um local onde ela possa ter as duas coisas ao longo do dia. Em regiões de calor intenso, deve ser protegida do sol direto nas horas mais quentes do dia.

Clima: Prefere clima quente a moderado. Não tolera frio intenso.

Regas: Regue-a regularmente, mas sem encharcá-la. O essencial é mantê-la úmida, assim como o seu substrato. Porém, água demais pode fazer com que as raízes apodreçam.

Poda: Não necessária, apenas retirada de folhas secas.

Solo: Bastante rústica e de fácil cultivo, prefere solo rico em matéria orgânica, com boa drenagem. Sugestão de mistura: 1 parte de terra comum de jardim, 1 parte de terra vegetal e 2 parte de composto orgânico.

Fertilização: Por ocasião do plantio, incorpore ao substrato NPK, fórmula 04-14-08, cerca de 2 colheres de sopa para vasos de tamanho médio.

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.